NOTA INFORMATIVA DO GRUPO ARCO-ÍRIS SOBRE A REALIZAÇÃO DA 22ª PARADA DO ORGULHO LGBT – RIO 2017 E PROVIDÊNCIAS

NOTA INFORMATIVA DO GRUPO ARCO-ÍRIS SOBRE A REALIZAÇÃO DA 22ª PARADA DO ORGULHO LGBT – RIO 2017 E PROVIDÊNCIAS

O Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT do Rio de Janeiro, entidade comunitária responsável pela organização da Parada do Orgulho LGBT do Rio desde 1995, vem a público informar que:

 

  • A 22ª Parada do Orgulho LGBT-Rio 2017 tem data marcada para ocorrer no dia 15 de outubro, em Copacabana. Foram tomadas as providências legais na Prefeitura para a realização da manifestação.

 

  • Quanto ao financiamento para a realização da edição de 2017, a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro – apesar de até agora não ter informado publicamente, em nossa última conversa no mês de junho com a RioTur, Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual e representante do gabinete do Prefeito – nos informou que não patrocinará a Parada, com recursos próprios, conforme nos anos anteriores.

 

  • A Organização já se manifestou contra a posição discriminatória da Prefeitura, já que a mesma deu um tratamento diferenciado para outras atividades ou ações culturais. Diminuiu drasticamente recursos para outras áreas, mas não os cortou totalmente, como fez com a 22ª Parada do Orgulho LGBT do Rio. O único aceno feito pela Prefeitura foi a oferta de caderno de encargos, onde a mesma ofereceria como contrapartida às empresas patrocinadoras espaços publicitários no mobiliário urbano; deixando a Parada a sua própria sorte, sem assumir qualquer compromisso em caso de insucesso desta modalidade de captação de recursos.

 

  • A Instituição vem buscando desde o início do ano, na iniciativa privada, apoio em recursos financeiros (via projetos de incentivo fiscal ou patrocínio direto) para custear a estrutura necessária visando a segurança, logística e exigências legais para a operacionalização da manifestação, o que até agora não se consolidou.

 

  • A estrutura refere-se à instalação de postos médicos; alocação de UTI móveis; instalação de tendas para oferta de serviços e para o Conselho Tutelar e PCCI – Posto de Controle Central Integrado (reunindo os órgãos de controle urbano e a organização); montagem de diversas torres de observação para a PM; aluguel de geradores para as tendas; banheiros químicos por toda a extensão do percurso; rebatimento de semáforos e placas de trânsito; confecção de banners e faixas de sinalização de tráfego por todo o bairro de Copacabana; contratação de brigadistas; seguranças e apoios logísticos para suporte nos trios e em toda a extensão da manifestação; contratação de trios devidamente certificados pelo CREA e com licença do Corpo de Bombeiros; entre outras despesas para a operacionalização da passeata. A estrutura necessária demanda um grandioso aporte financeiro.

 

  • Conseguiu enquadrar o Projeto da Parada de 2017 na Lei Estadual de Incentivo à Cultura através de renúncia fiscal de ICMS no valor de R$800mil, mas cabe aqui esclarecer que esta carta é apenas uma autorização para a captação de recursos com renúncia fiscal em empresas privadas e não uma garantia imediata de recursos. Assim, estamos aguardando retorno positivo das empresas até então contatadas, e abertos a receber outros apoios.

 

  • Também, conforme divulgado na imprensa, o Grupo teve o seu projeto aprovado para a captação de recursos para a Parada de 2018, através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (Renúncia fiscal de ISS) no valor de R$890mil. Ressaltamos que esta autorização não tem relação com a Parada deste ano, e tampouco é garantia de recursos para 2018.

Assumimos o compromisso de informar a comunidade LGBT e parceiros as novidades ou desdobramentos em relação a realização da manifestação.

Estamos muito preocupad@s no momento, mas esperanços@s para que as nossas conversas caminhem para a concretização de possíveis patrocínios e que possamos realizar a manifestação com toda a estrutura exigida. Agradecemos o empenho de diversos aliad@s que têm contribuído com a busca de parceir@s para a realização desta grandiosa manifestação.

A Parada do Orgulho LGBT Rio é a segunda maior marcha do Brasil e o terceiro maior evento da Cidade do Rio de Janeiro. Uma vitrine importante para demarcar um projeto de Cidade para todas as pessoas, numa perspectiva democrática, diversa e inclusiva.

Somos milhões e estamos em todas as partes!

 

Rio de Janeiro, 04 de agosto de 2017.

Parada PBGrupo Arco-Iris de Cidadania LGBT

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *